Mestrado

CIDADE

João Pessoa/PB

PROGRAMA

O Programa de Pós-Graduação Strictu Sensu em Saúde da Família, em nível de Mestrado Profissional da Faculdade de Enfermagem Nova Esperança (MPSF/FACENE), autorizado pela CAPES com conceito 3. O MPSF/FACENE será oferecido na área de concentração “Saúde da Família”, alinhado à propositura do desenvolvimento e inovação, favorecendo suporte aos cuidados em Saúde e Enfermagem da região norte-nordeste do Brasil. A primeira turma do MPSF/FACENE terá seu início previsto para o dia 12 de março de 2015.

Nº DE VAGAS: 15 (quinze)

OBJETIVOS DO MESTRADO

I – Promover a qualificação de recursos humanos na área de Saúde da Família para o exercício da prática profissional avançada e transformadora de procedimentos, visando atender demandas sociais, organizacionais ou profissionais e do mercado de trabalho;
II – Articular elementos da gestão, tecnologia e inovação do cuidado em saúde, e investigação para o aprimoramento da Estratégia Saúde da Família e do sistema Único de Saúde, com ênfase na atenção primária;
III – Qualificar profissionais de saúde para o uso de instrumentos/ferramentas e tecnologias que norteiam o processo de cuidar do ser humano sadio ou doente, no âmbito individual ou coletivo;
IV – Formar lideranças para exercer atividades de investigação e de ensino em serviço;
V – Capacitar os profissionais da saúde no desempenho de ações basais para a saúde da família; organização do serviço (planejamento e gestão), articulação de trabalho em equipe e de avaliação de resultados da atenção à família e do serviço de saúde.

PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO

I – Ser capaz de contribuir para a operacionalização do Sistema Único de Saúde (SUS), participando do planejamento e implementação de políticas e modelos de atenção à saúde;
II – Atuar na estratégia saúde da família na perspectiva da integralidade e humanização do cuidado;
III – Utilizar métodos científicos para elaboração de projetos de investigação ou intervenção, de forma a viabilizar respostas a problemas concretos da prática profissional;
IV – Produzir e utilizar tecnologias inovadoras para a produção do cuidado às famílias e comunidade;
V – Produzir e utilizar informações para aprimoramento da gestão em saúde;
VI – Realizar ações de planejamento e avaliação na atenção primária em saúde.

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO

GESTÃO E TECNOLOGIAS DO CUIDADO EM SAÚDE DA FAMÍLIA: Estuda os modelos e tecnologias para a gestão do cuidado; a gestão do trabalho em saúde; metodologias de avaliação e indicadores de desempenho em saúde; as concepções teóricas, filosóficas que fundamentam o cuidado; práticas/tecnologias tradicionais e emergentes no cuidado em saúde; cuidado no contexto da diversidade cultural e singularidades de grupos humanos; aspectos históricos e conceituais sobre família, tomando-a como unidade de cuidado em saúde; dinâmica das famílias no território, ação/interação no ambiente e fatores condicionantes para a manutenção de agravos e aparecimento de doenças emergentes.

Linhas de Pesquisa

1. ATENÇÃO E GESTÃO DO CUIDADO EM SAÚDE: Aborda as múltiplas dimensões da gestão do cuidado (individual, familiar, profissional, organizacional, sistêmica e societária), suas especificidades e características macro e micropolítica; a gestão do cuidado como dispositivo para promover a integralidade da atenção; a gestão do cuidado como objeto de reflexão, pesquisa e intervenção; bases teórico-conceituais sobre processos de avaliação da gestão do cuidado em suas múltiplas dimensões.

2. SABERES, PRÁTICAS E TECNOLOGIAS DO CUIDADO EM SAÚDE: Estuda os determinantes sociais de saúde de saúde no território; características do processo saúde-doença no contexto comunitário; evolução do conceito de família, sua organização na modernidade; diagnóstico local e estratégias de promoção em saúde considerando a relação entre homem-ambiente; subjetividade na produção do cuidado; formas de conhecimentos, crenças, valores, atitudes e normas associadas ao cuidado; processos grupais e coletivos da interação social frente à subjetividade do adoecer humano; conhecimento e uso da tecnologia da informação e comunicação; conhecimento e inovação tecnológica aplicável às práticas de cuidado em saúde; criação e desenvolvimento de metodologias, procedimentos e instrumentos para o cuidado em saúde.
Observação 1: Cada candidato só poderá se inscrever em apenas uma linha de pesquisa.

ESTRUTURA CURRICULAR

Disciplinas Obrigatórias:
Gestão do Cuidado à Saúde da Família – 3 créditos (Obrigatória para Linha 1 – Atenção e Gestão do Cuidado em Saúde)
Tecnologia do Cuidar: Informação e Comunicação em Saúde – 3 créditos (Obrigatória para Linha 2 – Saberes, Práticas e Tecnologias do cuidado em Saúde)
Projetos de Inovação Tecnológico Assistencial – 6 créditos (comum)
Metodologia para Projetos – 3 créditos (comum)

Disciplinas Optativas:
Processo de Cuidar em Saúde – 3 créditos
Gerenciamento e Metodologias de Avaliação em Saúde – 3 créditos
Atenção Integral à Saúde da Família – 3 créditos
Seminário de Acompanhamento I – 2 créditos
Seminário de Acompanhamento II – 2 créditos
Tópicos Temáticos – 2 créditos
Tópicos de Pesquisa – 2 créditos

Duração do Mestrado: 24 meses
Aulas: quinta e sexta-feira – das 13:30 às 17:30 e 18:30 às 22:00hs.

Coordenação:
Coordenadora: Profª Drª Sandra Aparecida de Almeida
E-mail: mestrado@facene.com.br

Corpo Docente:
Ana Cristina de Oliveira e Silva – Permanente
Ana Karina Holanda Leite Maia – Permanente
Anne Jaquelyne Roque Barrêto – Permanente
Cíntia Bezerra Almeida Costa – Permanente
Cristina Katya Torres Teixeira Mendes – Permanente
Daniele Karina Antão Marques – Colaborador
Déa Silvia Moura da Cruz – Colaborador
Débora Raquel soares Guedes Trigueiro – Colaborador
Edson Peixoto de Vasconcellos Neto – Colaborador
Kay Francis Leal Vieira – Permanente
Kelly Samara de Lira Mota – Permanente
Raline Samara de Lira Mota – Permanente
Sandra Aparecida de Almeida – Permanente
Vilma Felipe Costa de Melo– Permanente

Selo 2
Selo 1
Selo – Hospital Maternidade
Selo – Ciencia sem Fronteiras
Selo – Anjos
Selo – Fisio
Selo – abmes